Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Coisas que...

Coisas que...

10
Set17

[Vi] "Game of Thrones" 7.ª temporada

Carla B.

1343232_mkt-pm_got_s7_sansa_po.jpg

Retirado daqui.

 

Tendo já passado umas semanas sobre o episódio final desta temporada, acho que já sou capaz de escrever algo sobre a mesma. Como será óbvio, spoilers estão a chegar...

 

Não foi das minhas temporadas preferidas apesar de ter bons momentos entre os personagens. Como a muitos, a questão temporal fez-me confusão, não tanto toda a cena com os barcos do Euron e como encontrou a sobrinha ou depois já estava em Lannisport, ou mesmo como o exército Lannister foi atacado pela Danny mas o ouro já estava em King's Landing; o meu grande problema no que ao tempo diz respeito foi mesmo no penúltimo episódio, como é que o Gendry chegou a Eastwatch, mandou a mensagem à Danny e ela chega de dragões em pouco menos de uma semana?

Enfim, eu percebo. Estão a querer chegar ao fim, algo que o George R.R. Martin parece demorar-se a fazer, e as personagens já estão estabelecidas, o espaço físico é, apesar de tudo, conhecido, já andámos a deambular por Westeros por 6 anos. Só por isso, até sou capaz de desculpar que, de repente, o espaço/tempo deixam de interessar.
 
Além disso, as personagens finalmente estão todas juntas! Primeiro no mesmo continente e depois num mesmo espaço! Encontros dão-se pela primeira vez, reencontros têm também lugar. E no final? Isto soube a pouco. Não consigo deixar de pensar que a montanha pariu um rato. Sim, fiquei entusiasmadíssima e era verem-me agarrada ao ecrã, mas pensando melhor em tudo isto, parece que tudo foi apressado. Perdão, que tudo passou num instante. Infelizmente, e apesar de bons momentos, não sinto que tenha havido um crescimento de personagens. No final terminam exatamente no mesmo sítio que começaram. Talvez com a exceção das irmãs Stark.
 
Tenho de confessar que as cenas da Arya foram das que achei mais aborrecidas, mas agora, há distância, vejo como foram fundamentais para a última cena que partilha com a Sansa. Aliás, para todo o último episódio. E a Sansa... foi provavelmente a minha personagem preferida desta temporada. O seu crescimento, desde o início da série, é por demais evidente, e em toda a cena do julgamento do Mindinho se comporta de forma excelente. Era nisto que eu tinha esperança que ela se transformasse! É interessante ver, nas duas irmãs, como tudo aquilo porque passaram contribuiu para o que se tornaram e como foram moldadas. Dá para ver, na cena em que Arya luta com Brienne, Syrio Forel, o Cão, os Faceless Men. Dá para ver, na forma como a Sansa governa, e sobretudo na cena do julgamento do Lord Baelish, um pouco dos seus pais, da Cersei, do próprio Mindinho.
 
Depois da sexta temporada, uma das minhas preferidas, talvez por ser a primeira para a qual já não havia livros e por isso estava ansiosa para ver o que dali vinha e ter ficado agradavelmente surpreendida, esperava um pouco mais. Como disse, houve bons momentos, e as menções a temporadas anteriores, por forma a mostrar como a história está a chegar ao seu final e ilustrar como as personagens percorreram todo um caminho que as moldou e as transformou no que vemos, foram dos meus momentos preferidos, mas no cômputo geral foi uma série por baixo. Nota-se a ânsia de chegar ao fim e não percebo porque não podiam fazer uma temporada normal, com os 10 episódios, se sempre era para concluir em 8 temporadas. Assim, esta serviu simplesmente para mover as peças deste jogo para Norte, onde a ameaça ao mundo dos Homens se acentua. Serviu, talvez, para alinhar os dois grandes lados do jogo pelo Trono de Ferro, sendo que um deles se encontra por demais desfalcado e que leva a pensar se, vencendo os homens a Battle for Dawn, realmente haverá dois lados, ou mesmo um Trono de todo.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D