Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Coisas que...

[Acontecem] Leituras a 4 olhos

por Carla B., em 23.04.15

Até parece que vem a propósito do Dia Mundial do Livro mas passou-se ontem...

 

Há tempos dei para as mãos do meu chefe um livro dizendo-lhe que ao lê-lo ia perceber-me um pouco melhor. Isto porque temos feitios diferentes. Ele é extrovertido, sente-se bem rodeado de pessoas, adora falar e que lhe dêem atenção. É a maneira de ser dele, não tenho nada contra e até simpatizo com ele por isso, mas eu sou diferente. Sou introvertida, sinto-me bem sozinha, não tenho medo de estar em silêncio e adoro estar nos bastidores. Ao sentir que ele aparentemente, e mesmo outros colegas, não percebiam que eu preciso de momentos para estar só e de dedicar-me a coisas do meu agrado (leitura por exemplo), que constantes reuniões com muita gente, que ter que lidar com muita gente, ter que trabalhar quase 7 dias por semana, estava a afectar-me, resolvi passar-lhe um livro que achei ser uma boa leitura.

 

O livro era nada mais que Silêncio: o poder dos introvertidos num mundo que não pára de falar. Tinha tomado conhecimento dele por ter sido nomeado para um Guardian Book Award e depois de ter visto um vídeo da autora com que me identifiquei. Dei-lhe então o livro e fiz até questão de assinalar certas passagens, coisa que não tenho por hábito, em que me revia particularmente. O resultado tem sido hilariante, sobretudo porque sinto que ele tenta analisar-me e, de certa forma, usar psicologia inversa ou usa as passagens assinaladas para "justificar" algum trabalho que surge para eu fazer.

 

Após uma última "alhada em que se meteu" (palavras dele) e que sobrou para mim, tentei ensinar-lhe o uso da palavra "não" e, porque o senhor é um workaholic, disse-lhe que estava a ler um novo livro de que ele também era capaz de fazer bom uso e que tem como título Os Prazeres do Ócio: 24 horas, 24 maneiras de não fazer nada. Referi que ainda estava muito no início, que lhe podia emprestar, ao que ele respondeu algo do género "não, lê-o primeiro e coloca os teus post-its, que assim fazemos uma leitura a 4 olhos!" E eis como surge, espontaneamente, uma espécie de clube de leitura. 

 

Agora vou é tentar não pensar muito na responsabilidade...

7 comentários

Comentar post