Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Coisas que...

Coisas que...

31
Mai15

[Desafiam] 52 semanas - #9 Pessoas que eu gostaria de conhecer/ter conhecido

Carla B.

Mais uma vez atrasado e feito à pressa, mas conta a intenção...

 

Nelson Mandela

 

Acho que é uma personagem histórica incontornável. Daquelas que inspiram quem convive, e não só, com elas.

 

Freddie Mercury

 

Eu não sou muito dada a concertos, prefiro ouvir música calmamente, sozinha, de modo a prestar atenção à letra, ao ritmo... enfim, mas se há um cantor, um artista que tenho pena de não ter tido a hipótese de ter visto ao vivo é este senhor.

 

Jane Austen

 

Tinha que colocar pelo menos uma pessoa relacionada com livros. E coloquei a Jane Austen porque deveria ser interessantíssimo passar um serão na sua companhia, a criticar e a falar sobre os restantes (sim, que às vezes também me dá para a quadrilhice).

 

J.K. Rowling

 

Ah ah! Pensavam que era só uma?! Ora porque é que coloquei aqui a J.K.? Porque sim! É só das minhas autoras e autores favoritos de todo o sempre! Adorava conhecê-la nem que fosse para lhe agradecer ter criado os livros do Harry Potter.

 

Violet Crawley, Dowager Countess of Grantham

 

Eu sei, é uma personagem fictícia... mas eu quero ser como ela! Quero-a como mentora!

28
Mai15

[Acontecem] Do fazer o que se gosta

Carla B.

Aqui há tempos o meu chefe disse que eu era a mais indicada para alguns tipos de trabalhos, nomeadamente aqueles que exigem algum método, capacidade de concentração e implica alguma uniformização de dados. Já tinha reparado que realmente prefiro quando me deixam sozinha e sossegada a introduzir dados num qualquer programa, mas só hoje tive a noção do grau a que sou capaz de me alhear das coisas e concentrar-me no que há para fazer... e de como adoro fazer isso.

 

Apesar de estar numa biblioteca há cerca de 2 anos e meio, não tinha formação e estou a aproveitar com o serviço está a pagar uma para aprender então ainda mais sobre o que é, neste momento, o meu trabalho. Esta semana o módulo debruça-se sobre catalogação e, bem, é como se estivesse nas minhas 7 quintas. Já catalogo há 2 anos mas, realmente, estamos sempre a aprender e quase não há duas catalogações iguais, já que cada monografia tem os seus dados e é preciso andar a fazer "trabalho de investigação" para descobrir alguns, até porque eu gosto de catalogações extensas. Ora, catalogar ainda é capaz de cansar um pouco mentalmente, sobretudo quando se tenta fazer vários exercícios para ver todas as situações e mais algumas que nos podem aparecer. Enquanto se estava na pausa entre exercícios o que estava aqui a vossa amiga a fazer? A catalogar o seguinte, está claro. "Isso é que é catalogar com paixão" ou parecido, disse a formadora. E sim, posso dizer que é das coisas que mais gosto me tem dado fazer.

 

Há malucos para tudo, não é verdade?

24
Mai15

[Pondero] De momento #12

Carla B.

Arte urbana em Lisboa

 

A ler // Esta semana voltei a ler muito pouco sobretudo devido ao cansaço de andar de um lado para o outro, para além de andar com a cabeça cheia de coisas o que fazia que não conseguisse dar a atenção devida ao livro que me acompanha. Mas estou a gostar bastante.

 

A ver // Ontem vi, finalmente, o "Hot Fuzz. Estava a querer ver algo que me fizesse rir e, como quase sempre, o mano tem razão e o filme é bem engraçado.

 

A adorar // A semana cheia. Sim, acabo por chegar ao fim do dia exausta e com pouca paciência para leituras e sei lá que mais, mas por entre cursos de formação, viagens, trabalho, uma pessoa vai tendo momentos engraçados.

 

A odiar // E menos engraçados também, nomeadamente quando o material electrónico resolve morrer-nos nas mãos. A sério, ele há-de adorar-me ou odiar-me de morte, tanto que já fiquei sem dois discos rígidos e cada vez que ligo o Kindle e ele tarda a responder fico com o coração nas mãos. Esta semana o computador ameaçou deixar de funcionar mas foi um cartão de memória que me morreu na máquina fotográfica, tendo eu acabado a sessão fotográfica do dia. Não podia ter morrido antes, não... Foi mesmo quando pensei "trabalho feito!", que ele se riu maleficamente para morrer em seguida. *suspira* Toda uma viagem a Mérida se perdeu nos confins dos bits e bytes, salvando-se apenas a uma dúzia que tirei com o telemóvel. Felizmente a máquina está bem, porque a certa altura nem ela funcionava. Isto só acontece comigo...

 

Visita guiada a Mérida

 

A evitar // Perder mais informação, pelo que estou a fazer backup do computador enquanto escrevo isto.

 

À espera // Da Feira do Livro que começa já no final da semana que aí vem. Diga-se que o entusiasmo não é o de outros anos, na verdade estou mais na expectativa de comer farturas e queijadas que de comprar livros.

 

A comprar // Roupa e sapatos que são tão confortáveis! Pelo menos eram na loja, esta semana, usando-os, logo confirmo se realmente são de andar nas nuvens. Preciso de fazer um upgrade ao guarda-roupa, sobretudo no que toca a roupa para trabalhar. Felizmente trabalho num sítio em que se pode andar casualmente, mas se quero que não me vejam como uma miúda, andar constantemente com calças de ganga pode não ser o mais apropriado.

24
Mai15

[Desafiam] 52 semanas - #8 Os melhores filmes infantis que já assisti foram...

Carla B.

Por infantis vou supor que se referem a filmes de animação. Assim sendo, os melhores filmes de animação a que já assisti foram:

 

"O Rei Leão"

 

Foi marcante em tantos níveis. Primeiro, foi o filme que pela primeira vez me levou ao cinema e que me levou a saber mexer no leitor de VHS. Tantas vezes que eu e o meu irmão chateámos os nossos pais para, ao fim-de-semana, rever-mos o vídeo que eles resolveram ensinar-nos a mexer naquilo. Segundo, oh história mai'linda! Só agora, muitos anos mais tarde, percebi a influência do Shakespeare e que estava destinado o meu amor pelas peças do bardo inglês! Terceiro, as personagens, a componente moral, o ensinamento de que ou se foge do passado ou se aprende com ele... Só tenho amor por este filme.

 

"Up"

 

Para além de ter a história de amor mais bonita que já tive a oportunidade de ver, tem uma daquelas mensagens que acabam por ser um murro no estômago. Não importa que sonhos não se cumpram quando há alguém que nos faz viver outros.

 

"A Bela e o Monstro"

 

Foi durante muitos anos o meu filme preferido, mas quando crescemos a nossa visão sobre algumas coisas muda e foi assim que o Rei Leão passou ao estatuto de favorito. Não quer dizer que tenha deixado de gostar, continuo a adorar a força da Bela e o querer mais que a vida do interior, continuo a ficar maravilhada com a biblioteca do Monstro e a querer uma casa com móveis falantes e andantes (ou então não...), continua a ter um lugar especial mas talvez mais pela nostalgia.

 

Acho que desta vez o top 5 fica limitado a top 3 porque estou com preguiça de pensar...

22
Mai15

[Encontro] Comics #3

Carla B.

Mais uma comic que sigo, ainda que mais recentemente que as restantes. Foi-me indicada pelo meu irmão e apesar de se chamar The Awkward Yeti, acabam por ser poucas (ultimamente) as tiras com esta personagem que vão saindo. Não que me importe porque, apesar de por vezes me rever naquela personagem, acabo é por adorar as tiras do spinoff que se focam no coração/emoção e cérebro/razão.

The Awkward Yeti

Visto aqui.

Pág. 1/4

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D