Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Coisas que...

Coisas que...

05
Abr15

[Pondero] De momento #5

Carla B.

A ler // Continuo a ler A Relíquia de Eça de Queirós, mas acho hoje sou capaz de avançar bastante ou mesmo acabar, uma vez que vou a meio do livro e a televisão não parece oferecer nada de jeito, pelo menos após ter dado uma vista de olhos pelos programas a emitir durante a tarde. Claro que convém eu sair do computador e talvez deva desligar o telemóvel. Sou só eu a sentir que começa a ter uma menor capacidade de concentração?

 

A ver // Estou de férias, o que significa tempo para ver filmes e séries! \o/ Até agora tenho visto sobretudo filmes que tenho apanhado na televisão, onde destaco o "Pulp Fiction". Acho que superei o trauma. Sim, tinha um trauma associado ao filme. Experimentem ser uma moça nova e impressionável e na véspera de irem levar uma injecção, coisa que nunca foi das que mais gostei de fazer, vêem a cena da injecção de adrenalina... Ah pois... trauma! Mas o filme está bem conseguido, até porque sou uma sucker por histórias que se cruzam de alguma forma.

 

A adorar // O tempo livre!

 

A antecipar // A semana que tenho pela frente. Acho que já descansei o suficiente, agora devia começar a fazer coisas como: arrumar o armário, fazer as limpezas da primavera, sair de casa e passear... Tenho que realmente fazer a tal lista de "coisas a fazer em férias".

 

A ponderar // Já ando a pensar nisto há algum tempo mas o certo é que tenho receio de pagar por um serviço que depois não vou usar com frequência. Gosto de audiobooks, não que os oiça com tanta frequência nos últimos tempos, mas será que um serviço como o da Audible seria um bom investimento? Cerca de 15€ por mês (talvez até menos devido à taxa de câmbio) dá direito a um audiobook e desconto em muitos outros durante esses 30 dias, é coisa que compense?

04
Abr15

[Desafiam] 52 semanas - #1 Coisas que me fazem ficar feliz

Carla B.

Família

 

Volta e meia sou capaz de me queixar deles, ninguém é perfeito e a vivência em comum às vezes parece colocar a paciência à prova, mas sem eles não seria feliz como sou. Estão sempre lá, nos bons e maus momentos, aturam-me quando estou insuportável (sim, tenho os meus dias) e mais ninguém quer saber.

 

Trabalho

 

Também tem dias complicados (que se prolongam por semanas e até meses) mas dá satisfação. Se não tanto as pessoas, ainda que haja um grupo bem porreiro, pelo menos o que faço vai dando-me gozo. Gosto de mexer em coisas, livros e objectos com séculos de existência, e é isso que vou tendo oportunidade de fazer pelo meio de outras tarefas mais "burocráticas" e de divulgação. Para além disso não estou parada e há sempre coisas diferentes para fazer (nem que seja limpar ou catalogar coisas) e aprender. Enquanto houver disso, o trabalho vai-me fazendo feliz.

 

Livros

 

Não todos os livros que existem, porque alguns só me apetece atirar à parede, mas aqueles que de alguma forma me tocam. Seja pela história, por uma personagem que se torna especial, seja pelo momento em que o li ou uma frase magnificamente escrita.

 

Silêncio

 

Parece que há quem tenha medo dele e o tente encher com conversas que não têm qualquer tipo de tema ou interesse. Eu aceito o silêncio. Ajuda a colocar a cabeça em ordem, a prestar atenção ao que se passa à minha volta. Num "mundo que não consegue parar de falar" parece que começa a ser raro e, por isso, cada vez mais precioso.

 

Chá e bolinhos... ok, pronto... a comida de um modo geral

 

Para começar, chá e bolinhos é algo reconfortante. É o início de dia perfeito ou o que redime um dia francamente mau para os nervos. E depois em termos de comida em geral, temos aquelas refeições fantásticas. Seja porque é um dos nossos pratos favoritos, descobrimos um novo restaurante que tem aquele doce divinal, ou porque o almoço/petisco com amigos e/ou família demora toda uma tarde porque se está em amena cavaqueira.

03
Abr15

[Encontro] Disney

Carla B.

Encontrei este vídeo no /Film, onde também apresentam um relativo à DreamWorks, mas não podia deixar de o colocar aqui porque diz respeito à Disney...

 

 

É engraçado ver como as variações se adaptam aos filmes que apresentam, mas tenho que dizer que a introdução utilizada pela primeira vez em 1985 continua a ser a que, para mim, pronuncia que algo de mágico está para começar.

01
Abr15

[Pondero] Março 2015

Carla B.

Pensei deixar de fazer um balanço mensal, uma vez que estou a tentar fazer semanalmente, mas balanços nunca são demais. É um olhar para trás e analisar o que passou, o que sentimos, e aprender com o que vivemos.

 

Ora, eu vi uma parte de um projecto chegar ao fim, ainda que tenha acabado por não ver o resultado final. Diz que há possibilidade de vir a ver mas não estou a contar com isso. Aprendi a não contar com o ovo no cu da galinha e que vou ter sempre decepções. E é engraçado, porque já julgava que tinha aprendido tudo isto mas, com o andar da carruagem, uma pessoa volta a ganhar expectativas e pensa que talvez as coisas mudem para que não sejam como parecem ser sempre, apenas para levar com uma valente chapada da realidade. Resta-me não voltar a cair em falinhas mansas e, sobretudo, falar quando não concordo e quando vejo algo a apontar. Não é que me oiçam ou dêem qualquer tipo de valor ao que quer que digo, em muitas situações parece que entra por um ouvido e sai pelo outro, mas se não falar então é que nunca serei ouvida, não é?

 

De resto, o mês foi passado num stress quase constante, com os nervos (literalmente) à flor da pele, com o eczema a contribuir para as dores de cabeça. Parece que a tempestade já passou, não que venham tempos de bonança mas sinto-me um pouco mais preparada para o que está para vir. Isto fez com que não tivesse grande paciência para leituras e mesmo para filmes, apesar de ter visto alguns. Nas últimas semanas também perdi alguns episódios da única série que seguia, "The Strain", mas espero colocá-la em dia e entretanto começar outras, até porque «Winter is Coming!»


Livros lidos:

  1. O Amor e o Poder (O Primeiro Homem de Roma, #1) de Colleen McCullough;
  2. A Chuva Pasmada de Mia Couto.

Filmes vistos:

  1. "O Último Samurai";
  2. "Legião";
  3. "Mentiroso Compulsivo";
  4. "Roxanne";
  5. "WALL.E";
  6. "Coração de Dragão".

Compras:

Livros:

  • Génio: os 100 autores mais criativos da história da literatura de Harold Bloom;
  • A Bela e o Vilão (Bridgertons, #6) de Julia Quinn;
  • Persuasão de Jane Austen.

Filmes:

  • "O Desaparecimento de Eleanor Rigby" ( pack de 3 DVDs)

 

Artigos que me chamaram a atenção:

Como não pensei que fosse fazer uma coisa destas, não mantive um registo. Fica para a próxima. 

Pág. 4/4

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D